Nesse momento em que estamos constantemente lavando as mãos e utilizando produtos de limpeza em excesso, a dermatite nas mãos (dermatite de contato) pode se tornar uma alteração de pele frequente. No geral, as mãos são mais afetadas pelo frequente contato com os agentes causadores.

O que é a Dermatite de Contato?

A Dermatite de Contato ou Eczema de Contato trata-se de uma reação inflamatória na pele, decorrente do contato com substâncias específicas que deixam a pele sensível e pode ser dividida em dois tipos: irritativa e alérgica.

Como a Dermatite nas Mãos se Manifesta?

A irritativa pode se manifestar por conta do uso de substâncias como sabonetes, detergentes, solventes e outras substâncias químicas e pode se manifestar a partir do primeiro contato com essas substâncias. Existe uma alteração da barreira cutânea, facilitando a penetração de agentes químicos que causam uma reação inflamatória.

Quais são os Sintomas?

Os tipos de sintomas podem variar de caso para caso, pois dependem do agente causador. Lesões avermelhadas, descamativas, queimação e coceira (prurido) são os mais comuns. Podem também aparecer bolhas, inchaço. Esses sintomas podem se manifestar de imediato ou apenas meses após o contato com o agente causador, o que dificulta o diagnóstico.

Tipos de Tratamento para a Dermatite nas Mãos

O tipo de tratamento dependerá da extensão e gravidade do quadro, variando entre medidas locais a medicação via oral. Cremes ou pomadas de corticosteroides, reduzem a inflamação e podem ser utilizados em momentos de exacerbação.

Uma medida importante preventiva e também adotada durante o tratamento é a hidratação da pele para restabelecimento da barreira cutânea. O uso de hidratantes é fundamental!

Para prevenir o quadro, faça a lavagem adequadas das mãos e o uso do álcool gel, quando necessário, associado ao uso de hidratantes! Para ser orientado sobre o tratamento correto para doenças de pele, procure um dermatologista registrado na Sociedade Brasileira de Dermatologia.